Acessibilidade
Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página Principal > Notícias > Abertura do Campeonato de Basquetebol do Exército é marcado por homenagens
Início do conteúdo da página

Abertura do Campeonato de Basquetebol do Exército é marcado por homenagens

Publicado: Quinta, 11 de Julho de 2019, 10h05

Brasília, 11/07/2019 – Até 14 de julho, o Departamento de Educação e Cultura do Exército (DECEx), por intermédio do Centro de Capacitação Física do Exército (CCFEx), realiza o Campeonato de Basquetebol do Exército 2019, na Urca, no Rio de Janeiro.

A organização da competição ficou a cargo da Comissão de Desportos do Exército (CDE), e conta com a participação de oito Comandos Militares de Área (CMA), que disputarão o troféu de campeão masculino. A expectativa é que participem cerca de 180 militares oriundos de seus respectivos Comandos.

Cerimônia

A cerimônia de abertura ocorreu em 8 de julho, nas instalações da Escola de Educação Física do Exército (EsEFEx). O evento foi presidido pelo General de Exército Julio Cesar de Arruda, Comandante Militar do Leste (CML) que estava acompanhado pelo General de Brigada André Luiz Ribeiro Campos Allão, Chefe do CCFEx e Presidente da Comissão de Desportos do Exército (CDE), anfitrião do evento.


Solenidade de abertura do evento

Durante o evento, foram homenageados os integrantes da equipe de basquetebol militar do Brasil pela conquista inédita do primeiro lugar nos 5º Jogos Mundiais Militares, com a entrega de um discóbolo aos antigos militares: Sargento R1 Wagner, Sargento R1 Fernando Coloneze, Sargento R1 Frederico, que deixaram seus nomes na história do Desporto Militar.

Em seguida, foi prestada homenagem ao Coronel Jamil Gedeão e ao Coronel Samuel Horn Pureza, em reconhecimento aos serviços prestados ao desporto do Exército. O filho do Coronel Samuel, o Cadete Victor Pureza, da Polícia Militar do Distrito Federal, recebeu placa em homenagem à memória do pai, que impulsionou e fomentou a modalidade nas Forças Armadas.

O Chefe do CCFEx parabenizou os atletas, os homenageados e aqueles que trabalharam em prol do esporte no Exército, e salientou que: “O esporte imita o combate! Esta premissa é um dos pilares que justificam o fomento do desporto no meio militar”.

Antes de realizar a abertura do campeonato, o General Arruda, saudou o Coronel Gedeão e o filho do Coronel Samuel. Ele destacou que o homenageado foi um grande amigo e desportista.

Reconhecimento

O Coronel Jamil Gedeão foi jogador da seleção brasileira de basquete, conquistou o sexto lugar nos Jogos Olímpicos de Melbourne, na Austrália, em 1956. Integrou o time brasileiro nos anos de 1953, 1954 e 1955, e também conquistou os títulos de vice-campeão mundial em 1954 no Rio de Janeiro e vice-campeão sul-americano em 1953 e 1955. O coronel marcou 148 pontos em 25 jogos pela seleção brasileira em competições oficiais e ainda acumulou o título de campeão no sul-americano individual de lances-livres, na Colômbia.

O Coronel Samuel Horn Pureza iniciou sua jornada no basquete no Clube Português do Recife no ano de 1969. Na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), integrou a equipe de basquete da AMAN de 1978 a 1982; na Comissão Desportiva Militar do Brasil (CDMB), integrou a equipe de basquete militar do Brasil que participou do Campeonato Mundial Militar de Basquetebol em Paramaribo/Suriname no ano 1984.

Fez parte da equipe Vice-campeã carioca de basquete adulto em 1986, pelo Botafogo de Futebol e Regatas – RJ. Na CDE, participou como atleta da equipe de basquete do Exército em cinco edições de Campeonato de Basquetebol das Forças Armadas (1984, 1991, 1996, 1997 e 2001) tendo se sagrado campeão nas quatro últimas oportunidades. No Clube do Exército de Brasília (CExB), foi bicampeão de Brasília nos anos de 1993 e 1994. Em 2015, recebeu Prêmio Mérito Desportivo do Exército como o melhor Agente Desportivo entre os Comandos Militares de Área.

Com informações do Centro de Capacitação Física do Exército

Fotos: Sd Correa e Sd Rafael

Assessoria de Comunicação Social (Ascom)
Ministério da Defesa
61 3312-4071

Fim do conteúdo da página