Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Você está em: Página inicial > Notícias > Operação Varredura: Marinha e Exército realizam ações em presídios do Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Norte
Início do conteúdo da página

Operação Varredura: Marinha e Exército realizam ações em presídios do Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Norte

Publicado em Quarta, 15 Fevereiro 2017 20:02 | Última atualização em Quarta, 15 Fevereiro 2017 20:32

Brasília, 15/02/2017 – Militares da Marinha e do Exército estiveram hoje (15) em duas unidades prisionais  nos estados do Rio Grande do Norte e Mato Grosso do Sul. Em Mossoró (RN), 350 fuzileiros da Marinha fizeram uma varredura na Cadeia Pública da cidade. Durante as ações apreenderam sete celulares, quatro baterias, 13 chips, 112 armas brancas e diversos outros itens de posse proibida.

Já o Exército realizou nesta quarta-feira (15) uma varredura no Estabelecimento Penal “Jair Ferreira de Carvalho”, em Campo Grande (MS). Cerca de 500 militares participaram da ação. De acordo com a Força Terrestre o material apreendido será ainda inventariado e entregue às autoridades locais.

Foto: Divujlgação
Em Mossoró (RN), 350 fuzileiros da Marinha fizeram uma varredura na Cadeia Pública da cidade
Em Mossoró (RN), 350 fuzileiros da Marinha fizeram uma varredura na Cadeia Pública da cidade

A “Operação Varredura”, autorizada pelo Presidente da República, consiste no emprego de meios das Forças Armadas, em ações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO), temporárias e episódicas, nas dependências de estabelecimentos prisionais. As ações visam a detecção e apreensão de armas, aparelhos de telefonia móvel, drogas e outros materiais ilícitos ou proibidos.

Os militares das Forças Armadas já realizaram, no dia 27 de janeiro, varreduras no Presídio Agrícola Monte Cristo, em Boa Vista, estado de Roraima; em 31 de janeiro, na Cadeia Pública desembargador “Raimundo Vidal Pessoa”, na zona sul de Manaus, e no dia 10 de fevereiro, Penitenciária Estadual de Parnamirim, na Grande Natal (RN).

A Força Aérea Brasileira tem apoiado a Operação Varredura com cães farejadores e no transporte de material e pessoal para os locais das inspeções.

Nos próximos dias, devem ocorrer outras ações surpresas em estabelecimentos prisionais de diversos estados. O trabalho conta com o apoio do Ministério Público Militar, das Polícias Militares, de agentes penitenciários e de funcionários do Departamento Penitenciário Nacional.

Por Alexandre Gonzaga

Assessoria de Comunicação Social (Ascom)
Ministério da Defesa
61 3312-4071

registrado em:
Fim do conteúdo da página