Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Você está em: Página inicial
Início do conteúdo da página
Geoinformação e Aerolevantamento

Geoinformação e Aerolevantamento

Publicado em Segunda, 14 Abril 2014 11:04 | Última atualização em Sexta, 29 Julho 2016 14:56

As atividades de controle do aerolevantamento no Território Nacional são exercidas pelo Ministério da Defesa (MD), por meio da Seção de Cartografia, Meteorologia e Aerolevantamento (SECMA).

Essas atividades estão centradas, basicamente, nos serviços prestados por mais de 70 entidades nacionais públicas e privadas, inscritas no MD, que executam projetos por todo o País e fornecem informações para o Cadastro de Levantamentos Aeroespaciais do Território Nacional – CLATEN, no qual constam as áreas aerolevantadas, autorizadas pelo MD.

Entende-se como aerolevantamento o conjunto das operações aéreas e/ou espaciais de medição, computação e registro de dados do terreno com o emprego de sensores e/ou equipamentos adequados, bem como a interpretação dos dados levantados ou sua tradução sob qualquer forma.

Tal atividade é constituída de uma fase aeroespacial, caracterizada pelo sensoriamento remoto da parte terrestre ou marítima, e de uma fase decorrente, que se constitui de técnicas de geoprocessamento dos dados captados na primeira fase.

As empresas de aerolevantamento são classificadas como Categoria A – executantes das fases aeroespacial e decorrente, Categoria B – executantes da fase aeroespacial e Categoria C – executantes da fase decorrente.

Finalmente, o MD deu início, no ano de 2014, às atividades de Geoinformação. O desenvolvimento da Geoinformação no âmbito deste Ministério contribuirá para a melhoria da consciência situacional dos decisores militares e, consequentemente, para o apoio à decisão e para o intercâmbio de dados geoespaciais entre o MD, as Forças Armadas e Instituições Públicas e/ou Privadas. Espera-se que, em breve, a Geoinformação possa apoiar, não só as Forças Armadas, mas a sociedade brasileira, como um todo, contribuindo para as ações de governo em áreas de desastres naturais, locais endêmicos, faixas de fronteira, áreas de reservas minerais, áreas indígenas, entre outros.


 Aerolevantamentos autorizados

 

 Acre 

 Alagoas 

 Amapá 

 Amazonas 

 Bahia 

 Ceará 

 Distrito Federal 

 Espírito Santo 

 Goiás 

 Maranhão 

 Mato Grosso 

 Mato Grosso do Sul 

 Minas Gerais 

 Pará 

 Paraíba 

 Paraná 

 Pernambuco 

 Piauí 

 Rio de Janeiro 

 Rio Grande do Norte 

 Rio Grande do Sul 

 Rondônia 

 Roraima 

 Santa Catarina 

 São Paulo 

 Sergipe 

 Tocantins 

 

 

 


Selecione o estado de seu interesse na tabela acima.
As autorizações de aerolevantamento são classificadas por Estado e, dentro desses, por Município.

As informações sobre os aerolevantamentos estão sendo atualizadas.
 
Todas as consultas relacionadas a projetos de aerolevantamento deverão ser efetuadas diretamente com as entidades executantes.

 

Fim do conteúdo da página